As Músicas Que Eu Vivo #5


Hey, leitores! Como estão?

Ultimamente eu ando meio apagada daqui, mas convenhamos que esse fim de ano não está dos melhores. Pelo menos não para mim. Esse calor todo cansa e é fim de ano, arrumar as coisas, o que fazer no natal, o que fazer no ano novo, o que fazer na vida e para completar tudo o meu notebook está meio quebrado, ele não para quieto sozinho, então mexer nele está bem complicado. Ah, claro, e tem o canal do blog no YouTube, que é bom, mas me custa um tempo danado. O importante é que aqui estou eu, linda, maravilhosa e alegre para vocês nessa véspera de natal! E não, não vai ter nada a ver com natal essa playlist. Todo mundo tá fazendo coisa de natal, e mesmo que eu ame muito natal, (1) esse ano eu estou desanimada e (2) chega de coisa de natal! Árvore, pisca-pisca e I wish you a merry christmas tá de bom tamanho para mim.

No momento em que eu estou escrevendo esse parágrafo, eu não faço ideia de que músicas eu vou colocar para vocês. Karol, me surpreenda. De qualquer forma, espero que vocês gostem, aproveitem, se divirtam e vivam as músicas! Nada melhor do que encontrar músicas novas ou relembrar músicas que você já conhece para ouvir nesse fim de ano. Então vamos lá!


5. Tears Dry On Their Own

Amy Winehouse sempre cantou músicas num estilo mais antigo, por assim dizer, algo bem Amy Winehouse - uma de suas marcas. Eu nem sempre ouvi, nem fui fã ou qualquer coisa do tipo, mas minha prima ouvia muito e eu gostava. Esses tempos atrás, em algum lugar da vida que eu não sei onde foi, ouvi essa música e tive vontade de baixar, já que eu não tinha nenhuma da Amy no celular. Minha amiga pegou meu fone e perguntou por que eu não colocava as músicas que eu ouvia no fone aqui na playlist. Como essa é uma das músicas que eu vivo, aqui está ela, a que eu ouço todos os dias na escola e que merece muito estar aqui! (Só está em 5º lugar porque eu ainda não faço ideia de que músicas eu vou colocar nas outras posições. Essa postagem veio de surpresa, não planejada e no meio da madrugada; veio surpresa e continuará sendo surpresa até o final.)

"Gostaria de dizer que não me arrependo e que não há dívidas emocionais, porque quando nos despedimos, o sol se põe. Então somos história, a sombra me cobre, o céu acima, uma chama que só os amantes veem."




4. It's Not Right For You

Ultimamente eu tenho ouvido muito The Script. Vou mentir se disser que é somente pelo fato de eu gostar demais deles, mas é claro que isso é levado muito em conta, afinal, por que raios eu ouviria algo que eu não gosto? Enfim, o caso é que o CD deles está disponível no YouTube, fácil assim (até alguém ir lá e retirar), e eu adoro o fato de não ter que ficar escolhendo música para ouvir - são escolhas a menos que eu tenho que fazer nessa vida, então é sucesso. Voltando. Após ouvir o CD um bilhão de vezes, consegui decidir que minha canção preferida era essa, pela letra e pela melodia. Acho que, nessa vida de hoje em dia, ela me descreve bastante e me ajuda quando eu tenho vontade de desistir de tudo o que eu quero pelo simples fato de: o mundo é capitalista e há uma grande probabilidade de eu ser pobre para sempre fazendo o que eu quero. Espero que vocês tirem dessa música tudo de bom que eu tirei para mim, e talvez ela até te ajude se você está, assim como eu, perdido(a).

"Se não fizermos algo agora, então nós nunca saberemos. Se nós ficarmos aqui por muito tempo, nós nunca envelheceremos. Então antes que seja tarde demais e isso mate você, temos apenas uma vida para viver, portanto ame o que você faz."




3. Pity Party

Melanie Martinez, uma estrela em ascensão que até veio para o Brasil esse ano, conquistou meu coração na lista aleatória. Pity Party não é a minha favorita da cantora, porém foi a que mais me marcou por um bilhão de motivos da vida, principalmente porque essa foi a primeira música dela que eu ouvi. Se você não a conhece, talvez ache estranho, mas é um estranho bom... Sei lá, ela é tão ela que eu não sei nem como descrever. O vídeo é cheio de detalhes incríveis e tão representativo, tudo a ver com a música. O que eu sei é: ou você vai gostar, ou vai estranhar, ou já ouviu falar ou já conhece. Mais opções?

"A festa é minha e eu choro se eu quiser. Vou chorar até as velas queimarem esse lugar, vou chorar até que a minha festa de dar pena esteja em chamas."




2. Girls Like Girls

Hasley é uma das cantoras que eu mais estou amando atualmente. As suas músicas são incríveis, sem mais. Eu as descobri, a cantora e a música, na minha playlist preferida do 8tracks, que tem um nome a ver com roadtrip. Se tem uma descoberta musical de 2015 pela qual eu me apaixonei, creio que essa descoberta seja Hasley. Girls Like Girls é incomentável. Apenas... sinta.

"Nós seremos tudo o que precisamos. Não me diga como eu me sinto. Eu sou real e eu não me sinto como garotos."




1. Jackie And Wilson

Há um bom e muito longo tempo, tipo, um ano, tenho ouvido Hozier, o cantor do ano na minha vida. Ano passado foi Ed Sheeran - aquela informação que não serve para nada. Eu o conheci, acho que, como a maioria das pessoas, por Take Me To Church, e decidi pesquisar mais, conhecer suas outras músicas para saber se ele tinha mais de uma música boa. Eu me apaixonei instantaneamente! Muitas de suas músicas são parte de mim de tão boas, incríveis, fantásticas, e Jackie And Wilson é a minha preferida de todas elas, mesmo que eu cante e ouça mais TMTC. Sabe aquela música que você pensa "cara, eu queria ter composto isso"? Ou sou só eu que pensa essas coisas? Então, é esse tipo de música. Amor em forma de canção, romanticamente agitada, perfeição. Apenas.

"Ela irá me salvar, me chamar de baby, passará suas mãos pelo meu cabelo. Ela saberá quando eu estiver louco, me acalmará todos os dias, bem, ela não se importaria. Vamos roubar seu Lexus, ser detetives, dirigir por aí pegando pistas. Chamaremos nossos filhos de Jackie e Wilson, criá-los ao som de rhytm e bues."




Por hoje é só, galere! Sinto muito por estar demorando para fazer postagem, principalmente porque esse é um mês de top comentarista (participem! Link na imagem abaixo) e eu nunca tinha feito um, mas dezembro é complicado. De qualquer forma, eu espero que vocês tenham gostados das músicas apresentadas hoje, achei essa postagem a mais animada da coluna até agora e também a mais eclética. De Amy a Hozier foi um longo caminho percorrido pela minha memória.
Gostaram? Eu espero que sim! Não se esqueça de deixar seu comentário e me falar tudo, inclusive quais são as músicas que vocês têm vivido ou viveram nesse ano de 2015. E essa postagem encerra a coluna musical do Hey Karol em 2015.
Beijinhos e até mais!

Karoline Melo

4 comentários:

  1. Oi Karol!
    Final de ano é uó né? hahaha. Não aguento mais esse calor também e meu notebook quebrou então tudo está maravilhoso.
    A única música que eu já tinha ouvido é Girls Like Girls que eu acho o clipe a coisa mais linda <3 as outras músicas ainda não tinha ouvido então já deixei salvo aqui pra futuramente baixar.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Huhuhuhu fim de ano e assim.mesmo.ne ^^ curti a playlist faca mais delas geralmente nao fico procurando musicas e e bom ver coisas novas (p mim kkkk )


    http://estilodenerd42.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  3. Karol!
    É bem assim mesmo o final de ano... logo chega o novo e tudo melhora.
    Da playlist s´´o conheça a Amy e gostei muito das outras escolhas.
    FELIZ NATAL!
    “Não esqueça que Natal não é do Papai Noel tão pouco para ganhar presentes materiais, mas é a data que recebemos o melhor presente para nossa existência, Jesus!” (Rogério Stankewski)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista de Dezembro, serão 6 livros e 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  4. Final de ano é bem assim...
    Mas aproveite as férias... Não tem vestibular por aí?
    Espero que seu natal tenha sido especial. E desejo um ano novo maravilhoso.
    Adorei as músicas
    Só conhecia a da Amy...
    Agora tenho mais para ouvir.
    Valeu as dicas.
    Beijos

    ResponderExcluir