[Livro] A Esperança


Autor (a): Suzanne Collins
Editora: Rocco
Categoria: Juvenil, Ficção Científica, Ação, Distopia

Depois de sobreviver duas vezes à crueldade de uma arena projetada para destruí-la, Katniss acreditava que não precisaria mais lutar. Mas as regras do jogo mudaram: com a chegada dos rebeldes do lendário Distrito 13, enfim é possível organizar uma resistência. Começou a revolução. A coragem de Katniss nos jogos fez nascer a esperança em um país disposto a fazer de tudo para se livrar da opressão. E agora, contra a própria vontade, ela precisa assumir seu lugar como símbolo da causa rebelde. Ela precisa virar o Tordo. O sucesso da revolução dependerá de Katniss aceitar ou não essa responsabilidade. Será que vale a pena colocar sua família em risco novamente? Será que as vidas de Peeta e Gale serão os tributos exigidos nessa nova guerra?

Veja a resenha de Jogos Vorazes aqui.
Veja a resenha de Em Chamas aqui.

Fique ciente de que esta resenha é do último livro da trilogia Jogos Vorazes, assim podendo conter informações dos livros anteriores.

Após o fim da septuagésima quinta edição dos Jogos, Katniss não volta para casa. Não existe mais casa. O Distrito 12 fora destruído pelos bombardeios da Capital e Panem iniciou uma rebelião. Por enquanto, não há Jogos Vorazes, ou felicidade e alegria para o povo da Capital, ou paz. Há guerra. Pessoas estão lutando para conseguirem a tão esperada liberdade; estão morrendo, se sacrificando. (Espere muitas mortes nesse livro.) Katniss, Prim, a mãe delas, Gale e Haymitch são alguns dos que foram para o Distrito 13. Sim, para o 13. Na resenha anterior eu disse que poderia haver algo lá, e há. As pessoas vivem normalmente, se é que ter uma programação diária para cada indivíduo e não viver na superfície pode ser considerado normal. Pelo menos eles estão bem.

No livro anterior, Katniss Everdeen já estava um pouco enlouquecida - pesadelos - e distante de Gale. Agora ela está mentalmente desorientada e ficando mais próxima de seu amigo. Não, não tão próxima. Ela está apaixonada por Peeta, entretanto não sabe disso. Ela não percebe isso. Peeta Mellark não está no 13. Ele está na Capital. Morto? Talvez. Se estiver vivo, sendo torturado? Com certeza. O mesmo vale para Johanna.

A presidente do Distrito 13, Coin, precisa que Katniss aceite ser o Tordo, alguém para inspirar os rebeldes, afinal, ela estava sendo isso desde o início. Todavia a garota em chamas não parece muito... interessada no assunto. A coisa que mais lhe importa no momento é saber onde está Peeta. Ele deveria ter sido salvo, não ela. Foi o acordo que fizera com Haymitch antes do Massacre; foi uma promessa não concretizada.

Gale e Katniss chão chamados para o Comando - um lugar no 13 em que há reuniões do conselho, e etc. -; quando chegam, todos estão reunidos diante de uma tela de TV, nem reparando na presença do Tordo deles. Aproximando-se da tela, Everdeen percebe que não é mais um filme de guerra qualquer. Ela vê Caesar Flickerman, o apresentador dos Jogos, fazendo uma entrevista. Seu convidado? Peeta Mellark.

E então, o que ela decidirá? Ser ou não o Tordo? Quais suas condições? Não perca o terceiro e último livro da Trilogia Jogos Vorazes.

Eu amei, amei, amei! E chorei. Muito. Chorei mais do que em "A Culpa é das Estrelas", porque fiquei assim por semanas - sim, semanas. É morte demais para pouca Karol. Principalmente se você se apega às personagens e as ama eternamente. Achei estranho o fato de várias pessoas não terem gostado ou, até mesmo, abandonado. Sinceramente, por quê? Toda a intriga, as escolhas, a loucura de Katniss - ok, ela se machuca demais -, a paixão, a crítica social, os rebeldes, a história por trás dos Distritos e das pessoas, as ações, os métodos de tortura, a descrição do local, da característica das personagens - porque é em primeira pessoa, então fica complicadinho -, os equipamentos, as conversas, as mortes... Tudo foi muito bem explicado/elaborado/feito. A Suzanne Collins revolucionou a forma de criar histórias que criticam e tudo, e tal. São, com certeza, os três melhores livros que eu já li em toda minha vida. Os melhores. O único erro foi a tradução, dois ou três errinhos, mas a culpa é das estrelas do corretor automático ou de uma pequena falta de atenção de quem revisou, porque confundir testa com festa e passar despercebido pela editora não é para qualquer um. Fora isso, a trilogia é divina. Todas as pessoas do mundo inteiro deveriam ler e apender com esses livros. Nem todas as palavras do mundo conseguiriam descrever o que eu sinto. É o tipo de distopia que te faz enxergar o mundo como ele realmente é.

E que a sorte esteja sempre ao seu favor.

Book Trailer




Batalha de Capas





O que acharam? Deixe sua opinião nos comentários.

Karoline Melo

14 comentários:

  1. Oiee ^^
    Acho que eu tenho algum problema com o último livro de trilogias distópicas *-* não gostei de A esperança, nem um pouco. Dos três livros da série, ele foi o único que eu não gostei*-*
    A Katnip estava diferente dos outros livros, parecia mais boba (qual o problema de manter a mesma personalidade de um personagem em três livros??). Bom, não gostei, não gostei e não gostei! Só espero que o filme seja legal :/
    MilkMilks
    DM
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Dryh!
      A Katniss não estava "boba", ela estava louca, depressivamente confusa... mentalmente desorientada. Se ela continuasse do mesmo jeito, desorientada que não estaria. O filme é interessante por mostrar o lado da Capital, também ^^ Acho que vai ser ótimo!
      Beijos.

      Excluir
  2. Ainda não li nenhum livro dessa saga, pretendo ler, não é muito minha praia, por que gosto de romances reais, não tão imaginário como esses. Mas um dia eu leio.
    Abraços

    Tony
    http://dicassliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pena que ainda não leu nenhum livro de THG, Tony. Eu particularmente gosto bastante e não acho que é algo irreal... Quer dizer, a sua maneira é, sim, entretanto... Ah, entendedores entenderão. Espero que leia ^^
      Abraços.

      Excluir
  3. Não li por causa dos spoilers, mas quero muito ler esse livro!

    http://cheirinhodolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, se você já viu Em Chamas, não tinha spoiler algum... Espero que possa lê-los em breve ^^
      Beijos.

      Excluir
  4. Tá na minha lista esse box.

    Adorei seu blog!!

    Beijinhos
    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que você compre logo!!! <3 Ahhh, muito obrigada, sweet.
      Beijinhos.

      Excluir
  5. Oi Karol!

    Adorei a sua resenha. Ainda não li nenhum dos livros da Suzanne, mas morro de vontade porque sou apaixonada pelos filmes. Abordam uma questão política tão interessante que me deixou fascinada. Mesmo assim li sua resenha, pq já sei todos os spoilers :c Realmente, é muita morte e de personagens tão queridos, a autora assim acaba com os sentimentos dos leitores hahaha Mas muitos dizem que esse é o mais fraco dos três livros, mas ainda assim não deixa de ser bom. Adorei as capas, mas a edição de colecionador é a mais bonita.

    Beijos,
    biblioteca-de-resenhas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mariana!
      Fico feliz por ter adorado a resenha. Oh, God, finalmente alguém me entende. A questão política que a Suzanne aborta é tão intrigante, fascinante e complexamente interessante que eu não entendo como algumas pessoas nem se tocaram sobre a crítica ou não gostaram - ou ficam "Team Peeta", "Team Gale". Ah, spoilers <///3 Ela mata bastante, um ó hahah Eu não achei nem um pouco fraco. (O povo queria mais jogos, só pode!) Gosto bastante da capa holandesa.
      Beijos.

      Excluir
  6. Sinceramente não gostei muito de nenhuma das capas... Porém a dos EUA é a menos pior D:

    Ann - http://cookierobsten.blogspot.com.br/
    segue? avisa que sigo tbm ^^
    beeijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa... Ah, é que você não viu a da Austrália. É a mais linda do mundo!!!! (Sério, é muito linda; pena que não achei a imagem de cada capa separada.)
      Beijos.

      Excluir
  7. Eu li toda a trilogia, mas A Esperança foi o que menos me encantou. Teve morte que deveria ter causado um grande impacto na personagem e acabou ficando meio curto. E houve momentos que achei parado, enquanto em outros tudo acelerava. Ainda assim é um ótimo livro.
    beijos
    http://eu-ludmilla.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo que algumas mortes deveriam ter causado mais impacto nas personagens, mas todo o impacto que causou em mim foi o suficiente. Ah, eu não achei parado, não. A mente da Katniss estava perturbada demais, e, ai, meu Deus, não consigo falar sobre esse livro sem sofrer D: hahah
      Beijos.

      Excluir