[Livro] A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista


Autor (a): Jennifer E. Smith
Editora: Galera
Categoria: Romance, Família

Com uma certa atmosfera de Um dia, mas voltado para o público jovem adulto, A probabilidade estatística do amor à primeira vista é uma história romântica, capaz de conquistar fãs de todas as idades. Quem imaginaria que quatro minutos poderiam mudar a vida de alguém? Mas é exatamente o que acontece com Hadley. Presa no aeroporto em Nova York, esperando outro voo depois de perder o seu, ela conhece Oliver. Um britânico fofo, que se senta a seu lado na viagem para Londres. Enquanto conversam sobre tudo, eles provam que o tempo é, sim, muito, muito relativo. Passada em apenas 24 horas, a história de Oliver e Hadley mostra que o amor, diferentemente das bagagens, jamais se extravia.


Quatro minutos. Esse foi o tempo necessário para fazer Hadley perder o voo.

Antes de embarcar, Hadley Sullivan conheceu um garoto que a ajudou a carregar sua mala. É assim que começamos nosso romance. "Ah, Karol, mas por que você escreveu 'família' na categoria e ainda colocou um risco em cima?" Bem, eu posso explicar. Nossa personagem principal está indo para o casamento de seu pai, em Londres. Se não fosse por isso, Hadley não encontraria Oliver, correto? Afinal, que tipo de pessoa vai a um aeroporto sem motivo aparente!? Principalmente quando se tem claustrofobia.

Bem, a personagem principal tem aspectos que alguns podem achar irritante, entretanto eu acho divertido, até mesmo legal. A senhorita Sullivan não gosta de lugares "apertados" ou com aglomeração, além de ter medo de maionese - o que? Alguns devem ter julgado a personagem por isso, tenho certeza (sim, eu tenho), e a estas eu digo: você não tem medos? As outras personagens também foram bem criadas, cada uma com seu jeito.

Enfim, a história se desenrola a partir daí e, se eu contar mais, não vai dar pra fazer o "bate papo" que estou planejando, mas é uma novidade que estou planejando e... é isso. Espero que gostem desse próximo quadro.

A escrita é leve, a história é bem elaborada, os personagens são marcantes e esse livro me pegou se surpresa. Então, se você não quer morrer de depressão, não leia A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista no dia dos namorados (caso você não tenha um) - sim, eu fiz isso.

P.S. O nome pode ser grande, mas são mais ou menos 214 páginas. Ah, e você vai entender o nome... quando ler.

Book Trailer



Batalha de Capas

Ó, socorro, APEDAPV (só abreviando...) possuí um trilhão de capas! Uma melhor que a outra! Bem, como não seria possível colocar todas, separei as nove mais bonitas - eu disse que tinha várias, até porque excluí umas 15...
[Para escolher, siga a ordem:
                                         1, 2, 3
                                         4, 5, 6
                                         7, 8, 9
]







O que acharam? É TÃO FOFINHO.


Deixe seu comentário a respeito do livro!

Karoline Melo

10 comentários:

  1. Oi!
    Ah, esse livro é fofo mesmo! *-*
    Eu li e curti a leitura, talvez não tanto como você. Achei apenas um livro levíssimo e que provavelmente não me marcou tanto, apenas foi uma boa leitura.
    Gostei de saber sua opinião. (:
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! ^^
      Bem, eu curti muito a leitura; foi basicamente o melhor livro do mês. Acho que ele até me ajudou a ter algumas ideias.
      Abraço!

      Excluir
  2. Li esse livro muito rápido e é um dos melhores do ano, bem leve e tranquilo eu nem vi o tempo passar enquanto lia. E Oliver é meu mais recente amor, pode isso? kkkkk adorei a Hadley dei altas risadas com ela e seu medo de maionese. Parabéns pela resenha :) http://blogliterata.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, foi o melhor que eu li no mês e um dos melhores do ano. Acho que quando o livro te pega, a história é tão fascinante que para o tempo para você, mas não para os outros. Ah, como não se apaixonar por Oliver? Admito que ele me lembrou um de meus amores, Augustus (A Culpa é das Estrelas). Hahahhaha. A Hadley também é uma fofa *-*
      Muito obrigada!
      Beijos.

      Excluir
  3. To louca por esse livro, sério. A capa é linda, a sinopse idem, simplesmente desesperada! asuhsuhaus
    Seu post só aumentou meu desespero, çocorr KKKKKKKKKK

    parabéns pelo blog, xx
    http://thesongoftheletters.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo nesse livro é perfeito, pelo menos foi o que eu achei. Eu estava como você, tive até que inventar uma desculpa pra conseguir comprar, hahahha. Acho que é pra isso que as resenhas servem, para aumentar ou criar desespero nos outros. kk
      Obrigada, sweet!
      Beijos.

      Excluir
  4. Não sabia que esse livro tinha tanta capa.
    Acho que a parte que eu mais gosto é de ver tantas capas diferentes da mesma publicação e a unica blogueira que faz isso é você! AMO!
    Continue viu?
    Beijinhos =*
    J. S. Freitas
    www.umsofaalareira.blogspot.com.br

    PS: Eu vou votar hihihi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, fui pesquisar um pouco e achei esse monte.
      Gosta mesmo? *-* Antigamente eu ficava com um pé atrás por postar tanta capa, mas o blog é meu, afinal. Fico muito contente por ter gostado! E não se preocupe, irei continuar assim para sempre.
      Beijos! <3

      Excluir
  5. Que legal, eu nunca tinha ouvido falar desse livro, mas ele parece ser muito bom. O nome, apesar de grande, é super engraçado, e aparentemente o livro segue esse estilo né?
    Adoro esses livros de romance mais descontraídos, com os caras perfeitos que te deixam até deprimida. Vou procurar ele pela internet porque a minha verba está limitada rs.
    Quanto as capas, são muuuitas e todas são lindas! Acho que gostei mais da 1, 4 e 7, mas as outras merecem os parabéns tb.
    Já disse que adoro o seu jeito de resenhar né? (:

    http://depoisdeumlivro.blogspot.com.br/
    espero a sua visita (:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério que você nunca tinha ouvido falar dele? Nossa... hahah O nome é grande, o livro é curto, a história é muito divertida. E meio triste, às vezes - ok, eu achei meio triste.
      Caras perfeitos em um livro: nunca sei se é bom demais ou ruim demais. Procure mesmo! Você vai rir bastante, pois é engraçado e fofo e tudo mais.
      As capas foram muito bem feitas. Eu gostei bastante :3 Minhas preferidas são as de número 1, 3, 4 e 9 hahah
      Awnnn, fico muito feliz ao ler que você gosta do meu jeito de resenhar. Obrigada!
      Beijos.

      Excluir